Escola Técnica de Santa Maria oferece primeiros cursos para o público

17 de agosto de 2023 354 visualizações
Postado 2023/08/17 at 1:41 PM

A Escola Técnica (ET) de Santa Maria ainda não foi inaugurada, mas já está de portas abertas para a população. Nesta semana começaram as aulas de marketing e técnico em administração promovidas pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no DF (Sebrae) em parceria com a Secretaria de Educação (SEE). Estão sendo atendidos 80 alunos.

Inscrições para os novos cursos já se encerraram, mas pessoas interessadas podem entrar na fila de espera | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

A partir do dia 21, novos cursos também serão oferecidos, desta vez, por meio de convênio entre a pasta e o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Serão ministradas as qualificações de recreador, programador web, copeiro e microempreendedor individual,  somando 122 vagas. As inscrições para todos os cursos – do Sebrae e Pronatec – já foram encerradas, mas quem estiver interessado pode entrar na lista de espera. As aulas serão publicadas nos períodos matutino e vespertino.

Cursos técnicos

Elijaime Nunes, diretor da ET de Santa Maria, sobre a capacitação em radiologia: “Seremos a única unidade de ensino da rede pública de ensino a oferecer esse curso”

Mais oportunidades de qualificação serão criadas para a população no ano que vem. A ET de Santa Maria terá os cursos de técnico em radiologia, cuidados com idoso, desenvolvimento de sistema e o de rede de computadores. O prazo de inscrição será divulgado em novembro.

O diretor da escola, Elijaime Nunes, afirma que os cursos foram selecionados conforme a demanda da população e do mercado de trabalho. Ele destaca ainda o pioneirismo em disponibilizar a capacitação em radiologia: “Seremos a única unidade de ensino da rede pública de ensino a oferecer esse curso. Isso é muito importante, porque só tínhamos em instituições privadas, e a procura por profissionais tem aumentado muito”.

A unidade de ensino fica na QR 112 e atende a população de Santa Maria, do Gama e de cidades do Entorno, como Novo Gama e Valparaíso (GO). “A escola técnica está em uma ótima localização, próxima ao BRT e bem na entrada da cidade”, explica o administrador de Santa Maria, Josiel França. “A população não terá mais dificuldade no deslocamento para estudar”. A estrutura, que já está pronta, recebe antes da inauguração os últimos ajustes, como instalação de rede de internet e fiação elétrica.

Vagas expandidas

‌A microempreendedora individual Laressa Marques, 25, é uma das alunas do curso de marketing e conta que, mesmo já tendo experiência na área, decidiu encarar a formação. “Acho que vai me agregar valor e ajudar a conquistar novos clientes”, resume. Moradora do Valparaíso de Goiás, ela utiliza transporte público para chegar à unidade. “Construir ao lado do terminal foi uma ótima ideia, dá para ir para lá caminhando”, aponta.

‌O motorista de transporte escolar Ricardo Ângelo, 38, também está na turma de marketing. Ele decidiu iniciar o curso para preencher o tempo livre na rotina e, como bônus, aprender a promover a própria empresa na internet.

“Quero fazer outros cursos também, porque acho que é uma forma muito interessante de crescimento”, afirma. “Observo a obra da escola desde o início e fiquei muito feliz quando ficou pronta. Será muito útil para a cidade”.

‌Já a autônoma Fabiana Bezerra, 38, está à espera da abertura de mais vagas na escola. Moradora da QR 117, ela deseja cursar radiologia. “Ter essa escola aqui vai nos ajudar muito. Teremos mais acesso à educação e mais oportunidades de trabalho e de realização profissional”, conta.

‌Com aporte de R$ 11,8 milhões, a ET de Santa Maria tem capacidade para atender 4 mil alunos. A unidade segue o padrão arquitetônico estabelecido pelo Fundo Nacional da Educação (FNDE), com 12 salas de aula, laboratórios (informática, química, física, enfermagem, entre outros), quadra poliesportiva, espaços administrativos, jardim, auditório, biblioteca, cantina, estacionamento e unidade de tratamento de esgoto. Atualmente, o DF tem 14 escolas técnicas, entre as quais a de Brazlândia foi a última a ser inaugurada, em 2012. Atualmente, encontra-se em construção a ET do Paranoá.

Fonte: Agência Brasília

Tag
Compartilhar esse Artigo
Pesquisar