Fiscalização autua 256 motoristas por dirigirem alcoolizados

30 de maio de 2022 393 visualizações
Postado 2022/05/30 at 9:58 PM
Foto: Divulgação/Detran

Com foco na segurança viária, a operação Quinto Mandamento foi realizada no último final de semana em diferentes regiões do Distrito Federal. Entre sexta-feira (27) e domingo (29), os órgãos de trânsito – Polícia Militar do DF (PMDF), Departamento de Trânsito (Detran-DF) e Departamento de Estradas de Rodagem (DER-DF) – realizaram abordagens veiculares e pessoais em pontos de bloqueio. Foram fiscalizados 1.625 carros, o que resultou em 256 autuações por alcoolemia.

A operação Quinto Mandamento é uma das principais estratégias adotadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) para redução criminal, que segue em queda nos últimos três anos. O principal foco da ação é a redução de crimes contra a vida e contra o patrimônio, mas pode ser adaptada à necessidade, já que rotineiramente passa por avaliação e análise de dados.

“Verificamos a necessidade de atuar no combate aos crimes de trânsito, em retirar das ruas condutores que ainda insistem em dirigir sob efeito do álcool. As consequências dessa prática são graves e, por isso, vamos continuar a atuar com esse direcionamento, sem deixar de lado o viés de enfrentamento a outros crimes”, explica o secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo.

“Exemplo disso foram as duas armas apreendidas durante as abordagens veiculares e a recuperação de um veículo que havia sido roubado”, completa.

Além da Quinto Mandamento, outras ações foram realizadas, com autuação de outros 96 condutores por alcoolemia, totalizando 352 em todo o final de semana em diferentes operações.

“O objetivo da fiscalização de trânsito, antes de tudo, é fazer com que as pessoas tenham consciência de que a atitude de beber e dirigir pode ser fatal. Mais do que se preocupar em ser multado, o condutor deve ter civilidade e respeito ao próximo e, portanto, não dirigir alcoolizado. E para preservar vidas no trânsito, o Detran está de olho naqueles que não respeitam a legislação e insistem em misturar bebida e direção”, finaliza o diretor geral do Detran-DF, Thiago Nascimento.

*Com informações da Secretaria de Segurança Pública 

Fonte: Agência Brasília

Tag
Compartilhar esse Artigo
Pesquisar