Forças de Segurança preparam megaoperação para 7 de setembro

Mudanças no trânsito, objetos proibidos e orientações aos participantes estão entre as medidas de segurança

31 de agosto de 2022 492 visualizações
Postado 2022/08/31 at 8:47 AM

Órgãos locais e federais atuarão de forma integrada em apoio ao desfile cívico-militar, no dia 7 de setembro, e às demais agendas que compõem a “Semana da Pátria” e possíveis atos populares marcados para o período. Sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF), um protocolo de ações integradas foi elaborado e pactuado a partir de reuniões, com participação ativa dos envolvidos, com base em levantamentos de inteligência, a segurança de participantes, mobilidade urbana e preservação do patrimônio público.

Além de intervenções no trânsito, o documento prevê ações de policiamento, relação de objetos proibidos, reforço nos atendimentos de emergência e de delegacias específicas para registro de ocorrências. O monitoramento das áreas envolvidas ocorrerá em tempo real, por meio das câmeras de videomonitoramento, distribuídas na área central de Brasília, por pontos de observação instalados pela segurança pública em locais estratégicos e pela inteligência, com monitoramento de redes sociais entre outros.

As imagens e informações serão enviadas ao Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob), da SSP/DF, que, além poder reunir 29 órgãos e agências diariamente, contará com a participação de representantes dos órgãos envolvidos que, sob a coordenação da Pasta, poderão fazer ajustes no planejamento prévio, a partir de análises de imagens e cenários.

Toda a movimentação, não apenas no dia 7 de setembro, mas em todos os atos previstos para antes e depois desta data, serão acompanhados pelas forças de segurança do DF, detalha o secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo.

“A Segurança Pública do DF tem vasta experiência em atuações em manifestações públicas e eventos de grande porte. Instalaremos um gabinete de gestão estratégica, composto pelo alto comando das forças de segurança e por representantes de setores estratégicos do governo local e federal. A construção em conjunto do planejamento e a integração fazem parte da natureza do nosso trabalho e são essenciais para garantir a segurança e a ordem pública necessárias para que todos exerçam o direito de se manifestar pacificamente”, ressalta Danilo.

Intervenções no trânsito

A Esplanada será fechada, a partir da alça leste da rodoviária do Plano Piloto, até a via L4, para realização do Desfile Cívico, a partir das 17h de terça-feira (6). As vias serão liberadas para o trânsito de veículos após finalização do desfile, atos previstos e, principalmente, após avaliação técnica de cenário, de forma que seja garantida a segurança na região.

Antes desta data, haverá uma intervenção pontual. A via N1 será parcialmente fechada para o treinamento do desfile, no sábado (3), a partir das 7h até a finalização do ensaio. “Temos estratégias a serem utilizadas, a depender do cenário, do momento. A previsão de fechamento da Esplanada para o trânsito de veículos deverá ocorrer no dia anterior ao desfile cívico, mas a depender das circunstâncias, esse fechamento pode ser antecipado”, completa o secretário.

Rodovias distritais e federais serão monitoradas diuturnamente durante o período por órgãos de trânsito locais – departamentos de Trânsito (Detran- DF) e Estradas de Rodagem (DER/DF) e batalhões da PMDF – e, ainda pelas polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF). Além da Esplanada dos Ministérios, haverá, ainda, dois outros pontos de observação distribuídos pelo Distrito Federal.

Os locais são essenciais para observar a chegada de possíveis caravanas, além daquelas já catalogadas por meio de levantamentos de inteligência e registro de manifestações, que até então são de seis diferentes movimentos, todos pró-governo. Para os participantes que chegarem à Esplanada de ônibus, o desembarque ocorrerá exclusivamente na alça leste da Rodoviária do Plano Piloto.

Estacionamentos ao público

Os locais indicados para estacionamento, para quem for à Esplanada acompanhar o desfile, serão o Setor Hoteleiro Norte, Palácio do Buriti e Tribunal de Contas do Distrito Federal e Territórios (TCDF).

O Detran fará fiscalizações rotineiras em apoio operacional à PMDF. A aeronave da instituição será empregada para contribuir com a fluidez de trânsito, que poderá ser alterada nos casos necessários. A equipe de atuação “semafórica” estará de prontidão, caso seja necessário fazer alguma intervenção na área central.

Cidade da Segurança

Para melhor mobilidade e apoio às ações das forças de segurança e demais órgãos, será instalada a estrutura “Cidade da Segurança”, em frente ao Museu da República. Além de comandos móveis das corporações e ponto de apoio para tropas especializadas, haverá um ponto de atendimento médico conjunto – entre SAMU e Corpo de Bombeiros (CBMDF) – no local.

Outros dois pontos médicos no mesmo formato serão distribuídos pela Esplanada – um próximo ao Ministério da Previdência e outro na Cúria da Catedral. Ambulâncias de atendimento pré-hospitalar dos dois órgãos estarão nas vias de ligação entre a S1 e N1.

O CBMDF também colocará no local a Plataforma de Observação Elevada (POE), com câmeras de alta resolução e alcance acoplados, para melhor observação das imediações. A corporação atuará, ainda, com a viatura de Atendimento de Múltiplas Vítimas (AMV). Com ela, é possível atender um número maior de vítimas com primeiros socorros com resposta rápida em casos extremos.

Policiamento

O policiamento será reforçado em toda região central de Brasília pela PMDF com atenção especial para o dia do Desfile Cívico. Policiais militares estarão em toda a área central para garantir a ordem pública e a segurança do público participante. Serão montadas linhas de revista em vários pontos de acesso à Esplanada. As unidades especializadas da PMDF – como Cavalaria, BPCães e Bope darão apoio à operação, posicionados em locais estratégicos. A Divisão de Operações Especiais (DOE) e a Divisão de Operações Aéreas (DOA), da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), estarão de prontidão.

“O público que for acessar a região da Esplanada dos Ministérios passará pelas linhas de revista da Polícia Militar, procedimento essencial para a segurança do público e do evento”, explica o chefe do Departamento Operacional da PMDF, coronel Naime. “Não será permitido portar objetos perfurantes ou cortantes, como vidros, fogos de artifício, hastes para bandeiras, e qualquer outro material que possa causar ferimentos. Outra restrição é o uso de drones sem autorização no espaço aéreo da Esplanada”, completa Naime.

Conforme já vinha sendo adotado em eventos realizados no local, o acesso à Praça dos Três Poderes será restrito, com bloqueio de gradis e policiamento a partir da Avenida José Sarney. O Congresso Nacional, ministérios da Justiça e Segurança Pública e de Relações Exteriores, além do Supremo Tribunal Federal (STF) e Tribunal Superior Eleitoral (TSE) serão protegidos com gradis e pelo policiamento. Além do reforço da segurança pela PMDF, os prédios públicos contarão com segurança própria.

A corporação estará de prontidão para atuar com policiamento ostensivo especializado, como o choque, montado e aéreo, em casos de distúrbios e tentativas de invasão a prédios públicos. A área de realização do desfile, ao longo da arquibancada e imediações, terá o policiamento reforçado com linhas de policiais.

Ambulantes

A via de ligação entre a N1 e a S1, em frente a Catedral, será ocupada por ambulantes autorizados. Eles foram cadastrados a partir de um chamamento público realizado pela Secretaria de Cidades. Não será permitida a instalação de ambulantes fora da área estabelecida. A Secretaria do DF Legal atuará com equipes de fiscalização em toda área central.

Manifestações populares

As manifestações populares estão previstas para ocorrer a partir das 13h, após o término do desfile cívico-militar, marcado para o período da manhã (a partir das 8h). Os manifestantes pró-governo ficarão na Esplanada dos Ministérios.

Caso haja manifestantes com orientações contrárias ao governo, será destinada a área do estacionamento da Torre de TV, ao lado da Praça das Fontes. O local também será monitorado por câmeras de segurança e terá policiamento reforçado.

Ocorrências

As ocorrências policiais serão centralizadas na 5ª Delegacia de Polícia, responsável pela área. A unidade policial e a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), contarão com uma equipe específica para eventuais atendimentos. O Departamento de Polícia Técnica (DPT), que engloba o Instituto de Criminalística (IC) e o Instituto de Medicina Legal (IML), terão os efetivos reforçados para atuação em perícias, caso necessário.

Recomendações

Em caso de sol forte e temperaturas elevadas, como ocorreu nos últimos dias, o Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF) recomenda o uso de roupas leves, protetor solar, bonés ou chapéus. Também é aconselhável ingerir bastante água. Equipes da corporação estarão em diferentes pontos da Esplanada e poderão ser acionadas, além de viaturas para pronto atendimento a emergências pré-hospitalares, incêndio e salvamento. De toda forma, permanece a recomendação de, perante qualquer emergência, ligar para o telefone 193.

Os militares estarão distribuídos em quartetos de primeiros-socorros ao longo de toda a região de desfile e nas arquibancadas.

Itens proibidos:
– Fogos de artifício e similares
– Armas em geral
– Apontador a laser ou similares
– Artefatos explosivos
– Sprays e aerossóis
– Mastros confeccionados com qualquer tipo de material para sustentar, ou não, bandeiras, cartazes etc
– Garrafas de vidro e latas
– Armas de brinquedo, réplicas, simulacros e quaisquer itens que possuam aparência de arma de fogo
– Drogas ilícitas, conforme a legislação brasileira
– Substâncias inflamáveis de qualquer tamanho ou tipo
– Armas brancas ou qualquer objeto que possa causar ferimentos, mesmo que representem utensílios de trabalho ou cultural (a exemplo: tesouras, martelos, flechas, tacos, tacape, brocas)
– Quaisquer outros itens a serem divulgados, com antecedência mínima de 24 horas da Operação, pela PMDF e/ou SSP/DF e/ou GDF.

Tag
Compartilhar esse Artigo
Pesquisar