Globo reúne Xuxa, Angélica e Eliana na edição deste ano de Criança Esperança

Anúncio foi feito pela própria rainha dos baixinhos na última quinta-feira, 13, durante o Jornal Nacional

15 de julho de 2023 355 visualizações
Postado 2023/07/15 at 3:18 PM
Foto: Divulgação

Há mais de 35 anos no ar, será a primeira vez que o Criança Esperança, da TV Globo, reunirá as três personalidades que fizeram sucesso com programas infantis na história da televisão brasileira. Xuxa, Angelica e Eliana estarão juntas como integrantes do programa na edição deste ano, que começa no dia 7 de agosto. O anúncio foi feito pela própria rainha dos baixinhos na última quinta-feira, 13, durante o Jornal Nacional.

A novidade deixou os fãs animados e segue sendo um dos assuntos mais comentados na internet. Há 30 anos no SBT, Eliana compartilhou o anúncio em suas redes sociais e agradeceu a liberação da emissora para participar da atração global. “É verdade esse bilhete”, brincou.

Durante a divulgação das participantes do programa de 2023, que contará com a apresentação de Ivete Sangalo e Marcos Mion, Xuxa reforçou o time que estará ao seu lado e ressaltou que, se tratando de criança, elas não poderiam faltar.

“Depois de quase dez anos sem estar participando do Criança Esperança, eu tô de volta e tô trazendo um reforço maravilhoso comigo. Porque se o assunto é criança, se o assunto é baixinho, não podia faltar. Então, olha só quem vai estar comigo pela primeira vez cantando no Criança Esperança: Angélica e Eliana”, afirmou.

Angelica, por sua vez, comemorou o reencontro. “Pela primeira vez, um grande show no palco, vai ser lindo. E nós três, durante uma época das nossas vidas, trabalhamos com crianças e o Criança Esperança beneficia 101 instituições e tem como protagonista a educação. Então, eu acho isso muito importante, muito bacana. Feliz em participar”, afirmou.

Repercussão

Na internet, os fãs comemoraram e se divertiram com a união das apresentadoras ao relembrar quando as cantoras americanas Britney Spears e Madonna se apresentaram juntas, em 2003. Ou mesmo quando o antigo grupo Destiny’s Child, composto por Beyoncé, Kelly Rowland e Michelle Williams, cantaram lado a lado

Fonte: Estadão Conteúdo

Compartilhar esse Artigo
Pesquisar