Lucro líquido do BRB alcança recorde de R$ 608 milhões em 2021

3 de março de 2022 9 visualizações
Postado 2022/03/03 at 1:28 PM
Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

O BRB fechou 2021 com lucro líquido de R$ 608 milhões, o que representa crescimento de 35,2% na comparação com 2020. É o maior resultado da história do banco. No segundo semestre do ano passado, o lucro alcançado foi de R$ 366 milhões, aumento de 46,4% em relação ao mesmo período de 2020.

O resultado reflete a estratégia de expansão do BRB por todo o território nacional, com aumento da oferta de produtos e serviços e diversificação da base de clientes.  O retorno anualizado sobre o patrimônio líquido médio foi de 26,5%, acima da média do mercado. As receitas com prestação de serviços aumentaram 15%.

“Os números obtidos em 2021 foram recordes e refletem a estratégia de diversificação das linhas de resultado, ampliação da base de clientes e expansão das atividades em nível nacional”, afirma o o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa. “Mesmo em um contexto adverso, marcado pelo agravamento da pandemia da covid-19, o BRB seguiu atuando na linha de frente na execução de políticas públicas e concessão de crédito àqueles que mais precisavam.”.

Em dezembro de 2018, o BRB tinha 639 mil clientes. O banco fechou 2021 com 3,5 milhões e, em fevereiro deste ano, rompeu a marca dos 4 milhões. O número considera pessoas físicas e jurídicas e clientes do Nação BRB FLA, banco digital lançado em parceria com o Flamengo há pouco mais de 18 meses. Atualmente, o BRB tem clientes em mais de 5 mil municípios brasileiros – o que corresponde a 91% do território nacional -, todos os continentes e 39 países.

A carteira de crédito ampla chegou a R$ 21,8 bilhões no quarto trimestre de 2021, o que representa aumento de 34,4% na comparação com o mesmo período de 2020. Em relação ao terceiro trimestre de 21, o crescimento registrado foi de 5,2%. O principal destaque foi o crédito imobiliário, cujo saldo alcançou R$ 4,5 bilhões, crescimento de 81,9% em 12 meses. Esse desempenho garantiu ao BRB, pelo segundo ano consecutivo, a liderança no segmento no Distrito Federal e a sexta posição geral no país.

Também merece destaque o crédito rural, cuja carteira ampla cresceu 23,0% no quarto trimestre de 2021 frente ao mesmo período de 2020, atingido saldo de R$ 541 milhões. Principal carteira de crédito do BRB, o consignado cresceu 22,5% no quarto trimestre de 2021 na comparação com o quarto trimestre de 2020.  No ano de 2021, a contratação de crédito consignado alcançou R$ 10,1 bilhões.

As receitas de prestação de serviços e tarifas aumentaram 15% no ano de 2021, refletindo o crescimento da base de clientes e a ampliação de linhas de negócios, com destaque para os cartões de crédito, a corretagem de seguros e a gestão de recursos de terceiros, que começam a refletir as parcerias estratégicas realizadas com Wiz e Genial Investimentos, respectivamente, nas últimas duas linhas de negócios.

O banco encerrou dezembro de 2021 com um índice de Basileia de 15,9%, aumento de 1,3 ponto percentual em relação ao final de 2020 e suficiente para sustentar a estratégia de crescimento e expansão do BRB nos próximos anos. O capital de nível I aumentou de 13,2% para 14,1% ao longo do último ano, e o de nível II, de 1,4% para 1,8%. Essa estrutura de capital é suficiente para a manutenção do plano de crescimento e expansão do BRB nos próximos anos.

Finalmente, um importante destaque foi o início da operação do BRB na Bahia como agente financeiro exclusivo para a gestão dos depósitos judiciais do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), o que permitiu a expansão da rede de atendimento própria e terceirizada em mais de 586 pontos de atendimento até o momento e possibilitará ao BRB oferecer um portfólio completo de produtos e serviços aos clientes daquele estado. Ao todo, os depósitos somam R$ 6 bilhões. A rede física do BRB na Bahia é composta por 41 agências e 531 correspondentes bancários, garantido presença em todos os 217 municípios baianos.

BRB cada vez mais digital

O segundo semestre foi marcado pela expansão do atendimento digital, sobretudo por meio do Nação BRB FLA, atualmente com mais de mais de 2,9 milhões de clientes, presença em 5.084 municípios brasileiros, 39 países e em todos os continentes.

O Nação BRB FLA oferece aos clientes um portfólio completo de produtos e serviços, com destaque para seis diferentes tipos de cartões de crédito, seguros e uma plataforma de investimento exclusiva, fruto de parceria com a Genial Investimentos, que disponibiliza mais de 280 opções diferentes de investimento e home broker dedicado.

Outro diferencial para os clientes do Nação BRB FLA é o marketplace exclusivo + Mengão, para resgate e troca de pontos adquiridos por produtos e serviços.

As transações utilizando os canais digitais do BRB representam atualmente 88% do total, e o canal mobile se consolidou como o mais utilizado pelos clientes, representando 56% de todas as transações. O movimento reforça o comportamento do cliente, cada vez mais adepto das transações digitais.

O ano de 2021 foi marcado pelo maior investimento da história do BRB em tecnologia. Foram mais de R$ 176 milhões direcionados à modernização da infraestrutura e à evolução das soluções digitais que garantiram mais estabilidade, disponibilidade, segurança e uma melhor experiência aos clientes em todos os canais.

Parcerias

O ano passado foi ainda marcado pela realização de parcerias estratégias, entre as quais, destaque para a firmada com a Wiz. Hoje, a nova BRB Seguros, fruto dessa parceria, já está em operação, implementando um novo modelo de bancassurance: distribuição de produtos de seguros, previdência, capitalização e consórcios de forma omnichannel, utilizando os balcões físicos e digitais do BRB.

Outra parceria importante foi realizada com a Genial Investimentos, dando origem à BRB Investimentos, que chegou ao fim de 2021 superando a marca de R$ 2 bilhões de patrimônio líquido administrado, crescimento de 72,9% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Proteção social

Como banco público, o BRB tem reforçado seu papel de protagonista do desenvolvimento econômico, social e humano. Por meio da operacionalização de programas socais e pagamento de benefícios do Governo do Distrito Federal (GDF), o banco atendeu, desde 2019 cerca de 443 mil famílias, o que representa mais de 1,8 milhão de pessoas, ou mais da metade da população do DF. Nesse período, os recursos transferidos por meio dos programas superam R$ 500 milhões e proporcionam uma importante rede de proteção social para a população do DF.

Por conta da pandemia da covid-19, o BRB também atuou no estímulo à economia com condições especiais de acesso ao crédito por meio de dois programas: Supera-DF (2020) e Acredita-DF (2021). Juntos, movimentaram R$ 8,2 bilhões e beneficiaram mais de 155 mil clientes pessoas físicas e jurídicas.

O BRB também entregou uma unidade hospitalar modular durante a pandemia: o Hospital Regional de Samambaia, que funciona permanentemente desde maio de 2021 em uma das regiões mais populosas do Distrito Federal.

Em 2021, o BRB investiu mais de R$ 11,2 milhões no esporte, lazer e cultura do Distrito Federal. Atuou ainda na gestão de importantes equipamentos públicos e símbolos de Brasília, como a Torre de TV, o autódromo e as arenas BRB Nilson Nelson e Mané Garrincha.

Margem financeira

O crescimento da base de clientes e do volume de negócios possibilitou um aumento de 22,7% na receita da intermediação financeira ao longo do ano de 2021, com destaque para as receitas com a carteira de crédito, que aumentaram 17,0%, e para o resultado com títulos e valores mobiliários, que evoluiu 119,2%,

A margem financeira foi de R$ 2,48 bilhões em 2021, crescimento de 3,4% em relação a 2020, mesmo em um cenário de elevação significativa da taxa Selic, que avançou de 2,0% em dezembro de 2020 para 9,25% no final de 2021.

Inadimplência

A inadimplência encerrou o segundo semestre de 2021 em 2,47%, com crescimento de 0,79 ponto percentual em relação a dezembro de 2020, em decorrência do aumento da participação de operações com maior nível de risco na composição da carteira de crédito do banco.

Diante de um ambiente econômico mais desafiador para o ano de 2022 e do comportamento observado em determinadas safras e nichos de crédito, o BRB realizou a constituição de provisão acima do nível regulamentar no valor de R$ 303 milhões no quarto trimestre de 2021, o que aumentou o nível de cobertura da carteira de crédito para 176,9% ante os 150,5% no terceiro trimestre de 2021.

Os ratings de menor risco AA-C permanecem com a maior participação da carteira, alcançando 94,5% em dezembro de 2021 e levemente abaixo dos 95,6% observados ao final de 2020. O aumento da participação dos ratings de E a H de 3,2% para 4,4% em um ano se deve, principalmente, à provisão mencionada acima.

Captação

O saldo de captação junto aos clientes atingiu R$ 21,6 bilhões no quatro trimestre de 2021, com crescimento de 10,2% na comparação com o trimestre anterior, e crescimento de 55,9% em 12 meses. Destaque para a captação em depósitos a prazo que, em 12 meses, apresentou aumento de 16,1%, atingindo saldo de R$ 13,9 bilhões.

No ano de 2021, o BRB integrou seus produtos de investimento em LCI e LCA nas mais diversas plataformas de investimento do mercado. Como resultado, os produtos apresentaram um crescimento de 188,9% em sua carteira, atingindo R$ 3,8 bilhões de saldo, o que representa 17,6% das captações líquidas do quarto trimestre de 2021.

As receitas de prestação de serviços e tarifas atingiram um total de R$ 617,8 milhões no ano de 2021, crescimento de 15% em relação ao ano anterior. O aumento se deve à ampliação da base de clientes e ao crescimento dos volumes de negócios com os clientes e envolvem cartões, contas correntes, administração de recursos de terceiros, corretagem de seguros, comissões e bilhetagem. Os principais destaques foram a corretagem de seguros e os cartões de crédito, que respectivamente cresceram 12,1% e 40,9% em 12 meses.

Clientes e rede de atendimento

Em dezembro de 2021, o BRB possuía mais de 3,5 milhões de clientes, crescimento de 344% em 12 meses. Os clientes pessoa física representavam um total de 3,486 milhões, aumento de 357% em 12 meses e 17,7% no trimestre. Os clientes pessoa jurídica totalizaram 37 mil e avançaram 16,9% em 12 meses e 3,7% no trimestre.

O BRB conta, atualmente, com 175 agências, sendo 115 distribuídas em todas as regiões do Distrito Federal e entorno, e as demais nos estados de Minas Gerais, Goiás, Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Bahia.

Ao número de agências, somam-se 707 correspondentes bancários, distribuídos entre 531 correspondentes na Bahia, 129 correspondentes bancários no DF e 33 correspondentes imobiliários, além de 604 ATM próprios, complementados por mais de 24 mil ATM da Rede 24 horas, garantindo ao BRB cobertura de atendimento em todo território nacional.

*Com informações do BRB

Fonte: Agência Brasília

Compartilhar esse Artigo

Navegue