Nova delegacia na Estrutural facilita atendimento a moradores

1 de junho de 2022 406 visualizações
Postado 2022/06/01 at 7:20 PM
A unidade policial passou a funcionar dentro da Estrutural, o que tem desestimulado práticas criminosas na região, como o tráfico de drogas | Foto: Divulgação/SSP

A nova sede da 8ª Delegacia de Polícia, localizada na Estrutural, representou uma grande melhoria no atendimento à população da região administrativa. Anteriormente, a DP responsável pela área ficava no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). A mudança foi a primeira entrega permanente à comunidade local pela Área de Segurança Prioritária (ASP), projeto lançado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-DF) e que ocorreu na cidade entre junho e dezembro de 2021.

Com a facilidade de acesso da população à 8ª DP, aumentou o número de ocorrências registradas na unidade. Entre maio de 2020 e de 2021, quando a delegacia ficava no SIA, foram registradas 3.697 ocorrências. Já no período seguinte, entre maio de 2021 e de 2022, o total chegou a 5.408. O aumento chega a 46,5%, o que mostra que a mudança de localização incide diretamente em um novo formato de policiamento, mais próximo da população, como afirma o titular da SSP-DF, Júlio Danilo.

“A nova localização era uma reivindicação da população e só foi possível por meio do empenho e da dedicação do governador Ibaneis Rocha, que tem apoiado os projetos e ações da segurança pública. Com a transferência de local, foi possível prestar um serviço ainda mais eficiente à população, com maior proximidade entre agentes de segurança e moradores”, afirma o secretário de Segurança Pública. “Além disso, a presença policial aumenta a sensação de segurança da população local e facilita os registros dos crimes, o que é essencial para o nosso trabalho”, ressalta Júlio Danilo.

O extravio de documentos concentra o maior número dos registros, seguido por ameaça, injúria, estelionato, lei Maria da Penha – que teve aumento de 4,7%, totalizando 575 ocorrências em um ano –, acidentes de trânsito sem vítima e furtos diversos. A lista contempla, ainda, crimes em apuração e crimes diversos.

Além da mudança de endereço, houve a readequação da área de atuação da delegacia. Além de atender a Estrutural e o SIA, a delegacia passou a ser também responsável pelo Setor de Chácaras 26 de Setembro.

“Com a nova sede, a 8ª DP ficou mais próxima da população da Estrutural. Além disso, o cidadão ganhou um espaço maior e moderno para realizar os registros de ocorrência policial e a área de cobertura da delegacia também foi redimensionada, trazendo mais racionalidade ao atendimento. Sempre faremos o melhor para a sociedade e para maior eficiência ao trabalho investigativo da Polícia Civil do DF”, ressalta o delegado-geral da PCDF, Robson Cândido.

A unidade policial passou a funcionar dentro da cidade, o que tem desestimulado práticas criminosas, como o tráfico de drogas. “O cometimento de crimes na região central acabou diminuindo bastante desde a inauguração”, revela a delegada-chefe da 8ª DP, delegada Jane Klébia.

Com a mudança de sede, houve também a chegada de agentes, delegados e escrivães, o que possibilitou a criação de mais uma equipe de plantão. Uma Central de Flagrantes (Ceflag) também passou a funcionar no local, deixando de ser necessário apresentar essas situações na 1ª DP, na Asa Sul, conforme ocorria anteriormente. “Passamos a receber também os flagrantes de Vicente Pires”, completa a delegada.

A Ceflag contribui, ainda, com a agilidade dos serviços e atuação de policiais militares, que passaram a apresentar situações flagranciais com mais rapidez, como explica o comandante do 15º Batalhão da Polícia Militar do DF, major Marcelo Nunes.

“A 8ª DP, sediada na Cidade Estrutural, permite mais proximidade com o Batalhão da PMDF, o que proporciona maior celeridade à equipe que atende e conduz a ocorrência. Isso, consequentemente, permite o aumento da circulação policial nas ruas, refletindo diretamente na redução dos índices de incidência criminal. Daí a importância da integração das forças de segurança, trabalhando com mútua colaboração.”

A mudança é comemorada pela população. Para Constâncio Alves de Souza, comerciante na região, “a proximidade da delegacia trouxe sensação de segurança para as ruas e para a cidade como um todo. Essa mudança foi importante para o trabalho junto a comunidade”.

Para o presidente do Conselho de Segurança da Estrutural, Valério Cristiano, a 8° DP na região reflete um aumento significativo na segurança da comunidade. “Isso possibilita que os órgãos de segurança tenham uma visão detalhada da mancha criminal dentro da cidade devido às ocorrências que agora são todas registradas, dado ao fácil acesso da comunidade”, afirma.

“Antes, diversos crimes deixavam de aparecer por razão da distância e a inviabilidade de locomoção de grande parte dos moradores, por isso, os pequenos furtos, tais como de celulares, bicicletas, relógios, agressões, entre outros, não apareciam. Agora, vemos a polícia agindo de forma estratégica e com muito mais eficiência no combate aos crimes e desordens na cidade”, finaliza Valério.

*Com informações da Secretaria de Segurança Pública do DF

Fonte: Agência Brasília

Compartilhar esse Artigo
Pesquisar