Com nova tenda de acolhimento, 7,5 mil pacientes já foram atendidos nas RAs

Tenda de Taguatinga começou a operar nesta terça-feira (23). Vicente Pires terá espaço inaugurado nesta quarta-feira (24)

23 de abril de 2024 89 visualizações
Postado 2024/04/23 at 8:41 PM
As unidades funcionam com estrutura semelhante a de hospitais de campanha e estão estrategicamente posicionadas perto de hospitais regulares, unidades de pronto atendimento (UPAs) e unidades básicas de saúde (UBSs) | Foto: Geovana Albuquerque/Agência Brasília

Nas últimas 24 horas, quase mil pacientes foram atendidos nas novas tendas de acolhimento aos pacientes com sintomas de dengue. Os números desta terça-feira (23) se somam aos mais de 6,5 mil atendimentos já contabilizados desde a inauguração das novas unidades de atendimento no último dia 11. Nesta quarta-feira (24), será inaugurada a tenda de Vicente Pires.

As unidades funcionam com estrutura semelhante a de hospitais de campanha e estão estrategicamente posicionadas perto de hospitais regulares, unidades de pronto atendimento (UPAs) e unidades básicas de saúde (UBSs) | Foto: Geovana Albuquerque/Agência Brasília

Recém-inaugurada, a tenda de Taguatinga, localizada no estacionamento do ambulatório do Hospital Regional de Taguatinga (HRT), registrou o menor número de atendimentos (134). A tenda com o maior número de assistências foi a de Planaltina (251), seguida do Guará (167), Gama (155), Ceilândia (145) e Paranoá (143). Das pessoas que receberam atendimento, 340 foram crianças que passaram pelo atendimento pediátrico.

Das tendas já entregues, três delas, localizadas no Guará, Gama e Paranoá, funcionam 24 horas. As de Ceilândia, Planaltina e Taguatinga operam das 7h às 19h. Além das unidades já entregues, mais seis espaços estão em fase de instalação, no Plano Piloto, Águas Claras, Samambaia e Varjão. O objetivo dos espaços é garantir um atendimento mais célere dos pacientes sintomáticos da doença, reduzindo a pressão sobre o Sistema Único de Saúde (SUS).

As unidades funcionam com estrutura semelhante a de hospitais de campanha e estão estrategicamente posicionadas perto de hospitais regulares, unidades de pronto atendimento (UPAs) e unidades básicas de saúde (UBSs) para garantir um atendimento mais rápido aos pacientes sintomáticos da doença, reduzindo assim a pressão sobre o SUS.

Locais das novas tendas de acolhimento a pacientes com sintomas de dengue:

Com funcionamento 24 horas
Guará: em frente à Unidade Básica de Saúde (UBS) 1
Gama: estacionamento do Hospital Regional do Gama (HRG)
Paranoá: estacionamento do Hospital da Região Leste (HRL)

Com funcionamento diário, das 7h às 19h
Planaltina: estacionamento do Hospital Regional de Planaltina (HRP)
Plano Piloto: estacionamento do Hospital Regional da Asa Norte (Hran)
Vicente Pires: estacionamento da Unidade de Pronto Atendimento (UPA)
Taguatinga: estacionamento do ambulatório do Hospital Regional de Taguatinga (HRT)
Águas Claras: estacionamento da UBS 1 do Areal
Ceilândia: estacionamento do Hospital Regional de Ceilândia (HRC)
Samambaia: estacionamento da UBS 7
Varjão: atrás da UBS 1

Fonte: Agência Brasília

Tag
Compartilhar esse Artigo
Pesquisar